sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Crítica #31

LOGORAMA é uma curta-metragem animada de 17 minutos onde a história em si não é propriamente o mais importante. O interessante neste filme é a parte estética. Vemos uma cidade onde reinam os logotipos das mais variadas marcas. Os edifícios são logotipos, as ruas são logotipos, os transportes, os objectos, as pessoas são logotipos. O que aqui temos é a história de um assalto, uma perseguição, uma situação com reféns e a fuga de dois desses reféns onde o assaltante é o palhaço do McDonald's, os polícias são os homens da Michelin e uma das reféns é a rapariga da Esso. Tudo isto torna uma curta-metragem que doutra forma teria sido bastante banal em algo extremamente criativo e divertido. A nomeação para o Óscar de Melhor Curta-Metragem Animada é bem merecida.

0 comentários: