domingo, 31 de outubro de 2010

Filme baseado em "Thriller"


Acreditem ou não, está a ser preparado um filme baseado no vídeo "Thriller", de Michael Jackson. O filme será realizado por Kenny Ortega, realizador de filmes como HOCUS POCUS, HIGH SCHOOL MUSICAL 1, 2 e 3 e THIS IS IT; o argumento será da autoria de Jeremy Garelick, autor de THE BREAK-UP e THE HANGOVER (apesar de no IMDB ele não estar creditado como argumentista deste último, a verdade é que contribuiu substancialmente para o argumento).

Segundo Ortega: "O anúncio foi feito antes de eu ter tido oportunidade de pensar seriamente sobre o assunto. Está ainda numa fase muito inicial, uma vez que os detentores do património de Michael Jackson terão de ceder os direitos de autor. Já estive em algumas reuniões para discutir o assunto e, se tudo correr bem, poderá chegar às salas de cinema nos próximos anos."

Segundo o IMDB,
o filme estreará em 2013.



sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Duas sequelas para AVATAR


James Cameron já tinha falado sobre isso, mas agora temos mais pormenores:


Depois de muita especulação, acaba de chegar a confirmação oficial: James Cameron vai mesmo regressar a Pandora para duas sequelas de «Avatar», rodadas em simultâneo e programadas para estrear em 2014 e 2015.

«É raro e maravilhoso quando um cineasta tem a notável oportunidade de construir um mundo de fantasia, e vê-lo crescer, com os recursos e a parceria de uma companhia de media global. «Avatar» foi concebido como um épico de fantasia - um mundo que as audiências podiam visitar, em todas as plataformas de media, e este momento marca o lançamento da próxima fase desse mundo. Com dois novos filmes em preparação, a minha empresa e eu estamos a embarcar numa jornada épica com os nossos parceiros da Twentieth Century Fox», sublinhou o realizador James Cameron na comunicação à imprensa que acaba de assinalar a confirmação de que ele irá realizar duas sequelas do mega-sucesso «Avatar», o maior êxito de bilheteira da história do cinema em valores brutos.

O cineasta afirmou ainda que «o nosso objectivo é encontrar e exceder as expectativas da audiência global quanto à riqueza do mundo visual de «Avatar» e o poder da narrativa. No segundo e terceiro filmes, que terão histórias individualizadas mas que farão parte de um arco maior, não abriremos mão do poder emocional e visual de «Avatar» e continuaremos a explorar os seus temas e personagens, que tocaram no coração de públicos de todas as culturas ao longo do mundo. Estou ansioso por regressar a Pandora, um mundo onde as nossas imaginações são deixadas completamente à solta».

As duas sequelas de «Avatar», filmadas em simultâneo, têm estreia agendada para finais de 2014 e 2015. Há rumores de que uma parcela significativa e um dos filmes deverá decorrer nos oceanos de Pandora.

Entretanto, Cameron continua activo como produtor: além de «At the Mountains of Madness», de Guillermo del Toro, e do «remake» de «Viagem Fantástica», ele está a ultimar o «thriller» «Sanctum», uma fita a três dimensões sobre um grupo de mergulhadores em cavernas subaquáticas, com Richard Roxburgh e Ioan Gruffud, com estreia prevista para Fevereiro de 2012.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Novo filme sobre Mulan


Lembram-se do filme MULAN, da Disney, que estreou em 1998? Pois bem, Mulan existiu mesmo e está a ser preparado um filme "live-action" sobre ela. Eis a notícia:


Mais conhecida no Ocidente pela versão cinematográfica da Disney, a heroína chinesa Hua Mulan vai ser levada ao grande ecrã numa película de carne e osso, realizada por Jan De Bont e com Ziyi Zhang no papel principal.

«Este é o primeiro filme independente realizado por Jan De Bont, cujo currículo nas bilheteiras mundiais é enorme», disse Ying Ye, responsável da distribuidora Easternlight, ao «Hollywood Reporter». O cineasta holandês, que assinou títulos como «Speed - Perigo a Alta Velocidade» e «Lara Croft: Tom Raider - O Berço da Vida», vai assim ser o responsável por uma versão em imagem real da história de Hua Mulan, numa co-produção entre a China, o Canadá e o Reino Unido, exterior aos grandes estúdios norte-americanos.

O filme pretende recriar as aventuras da heroína chinesa Hua Mulan, que se fez passar por homem para se alistar no exército, e cuja história, descrita num poema do século VI, foi transposta ao grande ecrã no Ocidente pela Disney, em desenho animado, em 1998.

A ideia será fazer um épico de acção protagonizado por Ziyi Zhang, a actriz chinesa que brilhou em filmes como «O Tigre e o Dragão», «O Segredo dos Punhais Voadores» e «Memórias de Uma Gueixa».

O filme será rodado nos Hengdian World Studios, na China, e as filmagens começarão este Outono.


terça-feira, 26 de outubro de 2010

Filmes sobre os mineiros chilenos


Ainda a situação não tinha sido resolvida e já se estava a planear um filme sobre os 33 mineiros chilenos. Neste momento estão a ser planeados 2 filmes! Sim, 2! Eis a notícia completa:


Toda a gente dizia que a história dos 33 mineiros chilenos presos na mina em Atacama seria rapidamente transformada em filme. E não se enganavam: a máquina de Hollywood já se pôs em funcionamento e contactou Javier Bardem para o papel principal.

A 5 de Agosto de 2010, 33 mineiros ficaram aprisionados na mina de San José, perto de Copiapó, no Chile, a 700 metros de profundidade. O caso correu mundo e 69 dias depois, a 13 de Outubro, todos foram resgatados vivos.

Ainda a operação de resgate estava em curso e já o mundo do cinema se desdobrava para levar a história ao grande ecrã. Hollywood, claro, tomou a dianteira e, segundo o «The Thaindian News», o actor
Javier Bardem já foi contactado para o papel principal, numa película que seria baseada nos relatos dos sobreviventes, algo que estará também a ser negociado.

Também em andamento está um projecto concretizado no próprio Chile, entitulado «Los 33» e realizado por Rodrigo Ortúzar. Segundo declarações do próprio à «Teletrece» «disse a um dos meus antigos investidores que bastava haver apenas um sobrevivente para aquilo se tornar um grande filme. Afinal não houve um mas 33, algo que faz com que a desgraça ou tragédia inicial tenha tido um final feliz».

Ortúzar já começou a filmar em Copiapó e o seu filme alternará imagens reais recolhidas na altura com uma dramatização dos eventos reais. «Los 33» tem estreia prevista para 2012.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

EAT PRAY LOVE / Comer Orar Amar

eat pray love

ANO: 2010
PRODUZIDO POR:
Dede Gardner
REALIZADO POR:
Ryan Murphy
ARGUMENTO DE:
Ryan Murphy, Jennifer Salt (baseado no livro homónimo de Elizabeth Gilbert)
COM:
Julia Roberts, James Franco, Richard Jenkins, Viola Davis, Billy Crudup


Há alguns anos atràs, vi Elizabeth Gilbert no
programa da Oprah. Ela apresentava-se ali com um livro supostamente revolucionário, onde contava como tinha encontrado paz de espírito fazendo as três coisas que constam no título do livro: comer, orar e amar. Devo dizer que o livro não me despertou a mínima curiosidade, cataloguei-o imeditamente como sendo "filosofia barata", algo que eu detesto. Quando o filme saiu, no entanto, fiquei curiosa. Quis ir vê-lo, apesar das minhas baixas expectativas.

Liz Gilbert (
Julia Roberts) é uma escritora de sucesso, que viaja pelo mundo inteiro em busca de novas histórias. Apesar de ter uma vida financeiramente estável e um casamento aparentemente perfeito com Stephen (Billy Crudup), ela não se sente feliz. Nem consegue muito bem perceber porquê, mas sente que lhe falta alguma coisa. Após um divórcio não muito amigável e uma relação falhada com David (James Franco), um actor que está a protagonizar uma das peças que ela escreveu, Liz decide deixar tudo e viajar pelo mundo durante um ano, começando por Itália, passando pela Índia e terminando na Indonésia. Em cada país vai conhecer pessoas e ter experiências que vão mudar a sua forma de ver a vida: na Itália conhece Sofi (Tuva Novotny), uma sueca que a ensina a apreciar a alegria de comer; na Índia conhece Richard (Richard Jenkins), um texano que lhe ensina o que realmente significa orar; na Indonésia conhece Felipe (Javier Bardem), um brasileiro que a vai ensinar a amar outra vez.

Esteticamente,
EAT PRAY LOVE é um belo filme. As paisagens contrastantes dos diversos países por onde a protagonista passa ajudam a dar um tom ao filme. Robert Richardson está de parabéns pela fotografia, assim como Bill Groom pelo design de produção. Narrativamente, é um pouco longo, tornando-se, a dada altura, aborrecido. As interpretações são até bastante boas (se bem que, o sotaque brasileiro de Javier Bardem deixe bastante a desejar), com destaque para Richard Jenkins, que faz da sua personagem uma das mais interessantes da história.

EAT PRAY LOVE não é nenhuma obra-prima, nem ficará para a história do cinema, mas é um filme agradável, com uma mensagem interessante, que nos permite passar duas horas em frente ao ecrã sem grande necessidade de concentração. Às vezes, é só isso que é preciso.


sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Top 20- Filmes de Animação

Apresento-vos aqui os 20 filmes de animação que mais dinheiro renderam nas bilheteiras. Começo pelo fim até chegar ao nº 1. Para verem a página de cada filme no IMDB, cliquem no poster.


20




19




18




17




16




15




14




13




12




11




10




9




8




7




6




5




4




3




2




1




FACTOS INTERESSANTES:
- Nesta lista temos 8 filmes da Pixar, 7 da Dreamworks, 3 da 20th Century Fox e 2 da Disney;
- o filme que se encontra no 6º lugar, THE LION KING, esteve no 1º lugar durante 9 anos, até ser ultrapassado por FINDING NEMO, que se encontra agora no 4º lugar;
- estão aqui os 4 filmes da saga Shrek, assim como dois da saga Toy Story e 2 da saga Ice Age.